Paraná

Bolsonaro diz que vai resolver pessoalmente o assunto do pedágio no Paraná

Compartilhe

Ao receber uma carta assinada por mais de 100 entidades paranaenses reclamando do modelo proposto para o novo pedágio a ser implantado no Estado, o presidente Jair Bolsonaro disse não estar inteirado devidamente do assunto, mas prometeu tratar dele pessoalmente junto ao Ministério da Infraestrutura. O conteúdo pede o modelo seja  de menor tarifa e sem outorga onerosa. As informações são do Alerta Paraná.

“Bolsonaro foi bastante atencioso e receptivo ao que expomos. Não podemos mais pagar um dos pedágios mais caros do mundo. As economias do Oeste e do Paraná não resistirão”, afirmou o presidente do POD (Programa Oeste em Desenvolvimento, Rainer Zielasko) logo após entregar a carta em mãos ao presidente.

E no ato de inauguração do CNTA (Centro Nacional de Treinamento em Atletismo), que teve a participação também de ex-atletas consagrados como Maurren Maggi e André Domingos, o prefeito Leonaldo Paranhos, falando também como presidente da Amop (Associação dos Municípios do Oeste do Paraná), reforçou os pontos apontados na carta.

Deixe uma resposta